7 SUPERSTIÇÕES DE ANO NOVO RELACIONADAS AOS ALIMENTOS

Imagem

 

Comece o Ano Novo renovado, comendo alimentos que trazem sorte na virada do ano. De acordo com muitas culturas, essas comidas trazem saúde, felicidade e boas vibrações. Confira os principais alimentos:

Verduras
Comer qualquer tipo verdura, como repolho e couve, faz com que você mantenha o dinheiro dentro da carteira. É aconselhável ingerir mais de um tipo de uma vez só.

Sementes de romã
Quer ter um bebê em 2015? Tente comer algumas sementes de romã. A fruta é um símbolo de abundância e algumas culturas dizem que ajuda quem quer ter um filho.

Macarrão
Em muitas culturas asiáticas o macarrão simboliza uma longa vida. É importante não cortá-los em tamanhos menores. Você deve tentar ingerir os fios inteiros e, assim, terá sorte.

Uvas
Na Espanha, as pessoas têm costume de comer 12 uvas à meia-noite, uma para cada batida do relógio. O objetivo é comê-las antes do início do novo ano. Alguns acreditam que a doçura de cada uva prevê como cada mês será. Por exemplo, se a terceira uva é amarga, março pode ser um mês difícil. A tradição começou em 1909, quando houve uma grande produção da fruta no país.

Peixe
Muitas culturas acreditam que os peixes trazem boas vibrações. Os japoneses acreditam que eles são um símbolo de fertilidade por conta de sua capacidade de produzir toneladas de ovos. Os suecos também comemoram a virada do ano com uma abundância de frutos do mar, incluindo pratos em conserva.

Grãos
Grãos, como por exemplo a a lentilha, se assemelham a moedas. Em muitos países as pessoas os comem para ganhar dinheiro e ter um próspero Ano-Novo. Alguns dizem que também dá sorte comer uma ervilha para cada dia do ano.

Carne de porco
Muitas culturas dizem para colocar o porco no centro da festas porque eles simbolizam o progresso. O tamanho de um porco inteiro também representa a abundância.

 

FONTE: culinária.terra

MAÇÃ : A MEDIDA CERTA DA SUA SAÚDE

451

Nenhuma outra fruta é tão presente no imaginário popular quanto a maçã. Da mitologia grega aos contos de fadas, das histórias de Guilherme Tell às teorias de Isaac Newton, ela está em todas. E a julgar pelos mais recentes estudos, não deveria faltar também na mesa do brasileiro. Uma pesquisa da Universidade da Flórida (EUA) afirma que comer uma maçã por dia evita o acúmulo de colesterol ruim, o LDL, nos vasos sanguíneos em até 25%. Outro estudo, desenvolvido pela Universidade da Pensilvânia (EUA), revela que comer uma maçã 15 minutos antes das refeições é cinco vezes mais eficiente que tomar inibidor de apetite. Do outro lado do Atlântico, pesquisadores do Instituto Nacional de Coração e Pulmões (Grã-Bretanha) garantiram que beber suco de maçã ajuda a prevenir crises de asma. Mas comer uma maçã por dia não ajuda apenas a controlar o colesterol, a moderar o apetite ou a evitar asma. Combate, também, doenças cardiovasculares, reduz o risco de diabetes e melhora a função digestiva. “A maçã não chega a ser uma fruta completa. Mas é daquelas que não podem faltar na nossa alimentação. A variação é muito importante, uma vez que cada fruta tem um particular nutracêutico”, afirma o nutrólogo Edson Credidio, da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp).

Vitaminas da maçã

A exemplo de tantas outras, a maçã também é rica em vitaminas, como as A, B, C e E, e sais minerais, como potássio, ferro e cálcio. A diferença é que o fruto da macieira contém duas substâncias para lá de especiais: a pectina, uma fibra que, encontrada na casca, modera o apetite porque dá sensação de saciedade, e a quercetina, um antioxidante que está presente na polpa e ajuda no combate ao envelhecimento das células do sistema imunológico. “No primeiro caso, a maçã evita a ingestão exagerada de alimentos. No segundo, protege o organismo dos danos causados pelos radicais livres”, explica a nutróloga Luciana Carneiro, da Associação Brasileira de Nutrologia (ABRAN). E o que é melhor: a maçã ainda oferece baixas calorias. Cada 100 g contém apenas 56 kcal. Mais importante do que guardar nomes esquisitos, é lembrar, sempre que possível, de comer a maçã com casca. Segundo a nutricionista Jocelem Salgado, da Universidade de São Paulo (USP), é nela que se concentram as substâncias que oferecem benefícios ao nosso organismo. “Extratos retirados da casca da maçã inibiram o crescimento de células do câncer de fígado em 57% dos casos”, justifica a nutricionista, acrescentando que a maçã é considerada, também, uma espécie de “escova de dente natural”.

Fonte: Revista Uol

OS BENEFÍCIOS DO GENGIBRE

Imagem

O Zingiber officinalle, comumente conhecido como gengibre, em sânscrito é chamado de Ardrak (fresco) ou Sonth (seco).
No ayurveda é denominado remédio universal devido às suas muitas propriedades terapêuticas. Esta erva medicinal vem sendo utilizada na medicina chinesa e no ayurveda há milhares de anos pelos médicos orientais.

O gengibre apresenta propriedades terapêuticas sobre o sistema digestivo, pois estimula a liberação de enzimas que promovem o esvaziamento do estômago.
Tem sido utilizado com êxito no tratamento de náuseas e vômitos em diversas doenças e é efetivo nos enjoos da quimioterapia. Além disso, estudos demonstraram benefícios em baixar o nível do colesterol e reduzir a aderência às plaquetas.
A raiz do gengibre melhora a circulação e é indicada por médicos chineses e indianos para pés e mãos frias.
A medicina ayurvédica afirma que o gengibre atua nas três fases da função gastrintestinal: digestão, absorção e evacuação.
Na Índia recomenda-se o chá de gengibre em decocção (fervura da raiz) com três gotas de limão e uma pitada de sal marinho 30 minutos antes das refeições para estimular o fogo digestivo, promover uma boa digestão e aliviar flatulência.
Esta planta medicinal possui uma importante ação antiiinflamatória e antirreumática, tanto para uso interno quanto para uso externo.
O suco, pasta ou óleo essencial do gengibre pode ser aplicado externamente para dores, inflamações e cefaleias.
No caso de reumatismo, artrose, contraturas musculares, lombalgia e cervicalgia, podemos fazer uma massagem local associada a fricção com pasta ou óleo essencial de gengibre. Isso promove um efeito de aquecimento local associado a uma analgesia (alívio da dor).

O gengibre possui uma atividade antiviral e anti-inflamatória, sendo largamente utilizado em quadros respiratórios de vias aéreas superiores. Devido às suas propriedades picantes e amornantes, é utilizado para gripes e resfriados no inverno, rouquidão, inflamação da garganta, tosse e secreção.
Um chá de gengibre em decocção (fervura das raízes) com alho, casca de canela e uma uma colher de sopa de mel de eucalipto depois de pronto é eficaz nestes quadros respiratórios. Deve ser tomado morno três vezes ao dia entre as refeições até sumirem os sintomas.
Podemos também utilizar o gengibre na culinária como um excelente condimento, aumentando o sabor picante e a energia quente das receitas vegetarianas.
Com este objetivo, na Índia, o gengibre é associado a outros temperos: pimenta-do-reino, canela, noz-moscada, cravo, cardamomo e alho.
Em uma publicação recente sobre plantas medicinais, “Major Herbs of Ayurveda”, são descritas as seguintes propriedades do gengibre: atividade antiemética (alivia náuseas), atividade antiulcerosa, atividade hepatoprotetora (protege o fígado), atividade anti-inflamatória, atividade antipirética (reduz a febre), atividade cardiovascular (diminui o colesterol e os triglicerIdeos), atividade antioxidante (elimina radicais livres), atividade imunomoduladora (promove o sistema imunológico) e atividade antiviral. Porem é contraindicado na gravidez pelo potencial de induzir a contração uterina.
Com tantas propriedades benéficas, não podemos deixar de utilizar esta raiz tanto como erva medicinal quanto como condimento na alimentação.

MENSAGEM DAS VELAS

159

Ao acender uma vela, é possível identificar algumas mensagens.


*Vela que não acende prontamente: Indica que o anjo pode estar tendo dificuldades para ancorar. O astral ao seu redor, pode estar “poluído ou carregado”.


*Vela queimando com chama azulada: O anjo demonstra que, devido às circunstâncias, seu pedido terá algumas mudanças. Está lhe pedindo paciência, pois a realização de seu desejo já está a caminho.


*Vela queimando com chama amarelada: A sua felicidade está próxima.


*Vela queimando com chama vermelha: Seu pedido está sendo realizado.


*Vela queimando com chama brilhante: Você está tendo êxito no seu pedido.


*Chama que levanta e abaixa: Você está pensando em várias coisas ao mesmo tempo. Sua mente pode estar um pouco tumultuada. Alerta para firmar o seu pedido.


*Chama que solta fagulhas no ar: o anjo colocará alguém no seu caminho para comunicar o que você deseja. Poderá ter algum tipo de desapontamento antes do seu pedido ser realizado. Antes do seu pedido se realizar, sofrerá algum pequeno aborrecimento.


*Chama que parece uma espiral: Seus pedidos serão alcançados, o anjo já está levando sua mensagem. Mas cuidado, não faça comentários de seus desejos, pois tem gente por perto querendo atrapalhar os seus pedidos.


*Pavio que se divide em dois: Seu pedido foi feito de forma duvidosa, tente novamente.


*Ponta de pavio brilhante: sorte e sucesso no seu pedido.


*Vela que chora muito: O anjo sente dificuldades em realizar o seu pedido. Pois você está muito emotivo(a) e sem forças.
*Sobra um pouco de pavio e a cera fica em volta: O anjo pede mais oração.


*Se a vela apaga, depois de acesa (sem vento por perto): O anjo ajudará na parte mais difícil do pedido, o resto cabe a você resolver. Acenda mais duas velas, para reforçar o pedido.


*Chama enfraquecida: É preciso reforçar o seu pedido.


*Chama que permanece baixa: Dê tempo ao tempo, pois essa não é a hora certa para receber o que tanto deseja. Indica que você não está bem, e há necessidade de elevar rapidamente o seu astral.


*Chama que vacila: Indica que o pedido se realizará, mas antes ocorrerá alguma transformação necessária.


*Quando se acende mais de uma vela e uma das chamas está mais brilhante do que as outras: Indica boa sorte.


*Quando se acende mais de uma vela e, todas as chamas estão altas e brilhantes: Erga as mãos para o céu e agradeça pela benção que está recebendo em seu pedido.


*Quando a vela queima por inteiro: Seu pedido foi plenamente aceito.


*Quando a vela forma uma espécie de “escada” ao lado: Indica que seu pedido está se concretizando.


*Quando a vela termina de queimar e sobra cera esparramada no prato, sem queimar: É sinal que você precisa acender novamente o que sobrou, pois há energias negativas atrapalhando. Quando terminar de queimar, então acenda outra e agradeça ao seu anjo.

Saiba mais: https://omundodegaya.wordpress.com/misttico/