O que é uma onda? Onda é Energia + Informação

onda

O universo é uma grande onda de energia e informação, então existem infinitas possibilidades disponíveis no Universo, certo?

Meu pensamento é uma onda, visto que meu pensamento contém informação e energia.

Se o Universo é uma grande onda de energia e informação, como faço pra “fisgar”, “pescar”, “adquirir” as melhores energias e informações que estão disponíveis no Universo?

Eu preciso colapsar a onda!

Como eu colapso a onda?

Eu preciso estar numa frequência compatível com a da onda.

Qual a frequência da onda que queremos colapsar?

Uma frequência alta, de amor, de prosperidade, de saúde…

Então, é nisso que tenho que vibrar, no amor principalmente, pois o amor é a frequência mais alta que existe. Colapsando a onda eu crio uma interferência construtiva e então aquela onda de possibilidade se torna uma onda de probabilidade.

O colapso de onda faz com que a energia se torne mais densa, condensada, então eu posso decodificar essa informação diretamente para meu cérebro.

Após esse processo aquela energia sutil e acelerada baixa tanto a frequência que começo a percebe-lá na forma física/matéria. Então porque não colapsamos a onda toda hora e porque não vivemos num mundo maravilhoso?

Porque fomos criados debaixo de um paradigma materialista onde ter é mais do que ser, onde desde criança absorvemos as crenças limitantes de nossos pais, e os nossos pais dos pais deles e assim sucessivamente. Nossos valores são enraizados numa cultura de segregação, ódio, impotência, hipocrisia… Nossa realidade é de frequência baixa (calcula-se uma frequência de 200hz, sendo que a frequência dos seres de luz é de 500hz e de Buda 900hz). Por tudo isso, pela densidade de frequência, pelas crenças limitantes, pelos sentimentos de incapacidade, pela falta de consciência é que não colapsamos e vivemos num mundo de escassez.

Fátima Bloise – julho 2016

Via: Espiritualidade & Física Quântica -https://www.facebook.com/espiritualidadeefisicaquantica/

VOCÊ ENERGIZA TUDO AQUILO QUE DÁ ATENÇÃO – POR DEEPAK CHOPRA

7
Somos criaturas na face da terra capazes de mudar nossa biologia pelo o que pensamos e sentimos!
 
O funcionamento de nossas células está diretamente ligado aos pensamentos que criamos, sendo constantemente modificados por eles.
 
A qualidade do funcionamento de nossas células é diretamente proporcional a qualidade das ondas de pensamentos que criamos.
 
E a qualidade das ondas de pensamentos que criamos está ligado a eles se forem produzidos por baseados no medo, ou no amor.
 
Se foi produzida baseada no medo, foi produzida pelo ego; suas ondas são baixas e distorcem as ondas harmônicas que entram em contato.
 
Se foi produzida baseada no amor, então foi produzida por um ego subjugado pela auto-aceitação divina, alinhado à produção de energia magnética do coração, servindo somente à essas ondas cardíacas e sendo instruído pela consciência superior.
 
Um surto de depressão, por exemplo, pode arrasar seu sistema imunológico; apaixonar-se, ao contrário, pode fortificá-lo tremendamente.
 
A alegria e a realização nos mantém saudáveis e prolongam a vida.
 
A recordação de uma situação estressante, que não passa de um fio de pensamento, libera o mesmo fluxo de hormônios destrutivos que o estresse.
 
Quem está deprimido por causa da perda de um emprego, projeta tristeza por toda parte no corpo – a produção de neurotransmissores por parte do cérebro é reduzido, o nível de hormônios baixa, o ciclo de sono é interrompido, os receptores neuropeptídicos na superfície externa das células da pele tornam-se distorcidos, as plaquetas sanguíneas ficam mais viscosas e mais propensas a formar grumos e até suas lágrimas contêm traços químicos diferentes das lagrimas de alegria.
 
A boa notícia é que todo este perfil bioquímico será drasticamente alterado quando a pessoa mudar o seu foco de atenção e a fonte de produção de suas ondas de pensamento, permitindo que sua consciência superior opere em seu sistema através do amor, usando o ego somente como o seu instrumento de apoio.
 
Acessar a consciência superior e alia-la às ondas de energia cardíaca, para manifestar o funcionamento e a imunidade biológica que realmente você deseja ter, é o primeiro passo para começar a refinar e purificar a saúde em todos os seus 4 corpos.
 
Você quer saber como esta seu corpo hoje? Lembre-se então do que pensou ontem!
 
Quer saber como estará seu corpo amanhã? Então olhe seus pensamentos hoje!
 
Lembre-se:
 
Ou você abre seu coração agora, ou algum cardiologista o fará por você!
 
Deepak Chopra
Via: http://pensopositivo.com.br/voce-energiza-tudo-aquilo-que-voce-da-atencao/

9 VISÕES INICIAIS DA PROFECIA CELESTINA

1239

  1. Estamos descobrindo que vivemos em um mundo misterioso, cheio de coincidências e encontros sincronizados que parecem destinados
  2. Ao acordarmos para o mistério, criaremos um novo ponto de vista que redefinirá o Universo como energético e sagrado.
  3. Descobrimos que tudo à nossa volta, toda a matéria é originada e impulsionada por uma energia divina que estamos começando a entender.
  4. Deste ponto de vista, vemos que os humanos se sentem inseguros e desconetados desta fonte sagrada e tentam obter energia dominando uns aos outros. Essa luta é responsável por todos os conflitos do mundo.
  5. A única solução é cultivar uma conexão pessoal com o divino, uma transformação mística que nos enche de energia e amor ilimitados, aumentando nossa percepção da beleza e proporcionando auto-conhecimento.
  6. Neste conhecimento podemos liberar nosso controle e descobrir uma verdade específica, uma missão: estamos aqui para levar a humanidade a um novo nível de realidade.
  7. Em busca dessa missão, podemos descobrir uma intuição interna que nos mostra onde ir e o que fazer. Se nossas interpretações forem positivas, perceberemos várias coincidências que abrirão as portas da nossa missão,
  8. Quando várias pessoas entrarem nessa corrente evolucionária, sempre doando energia para as pessoas que encontrarem, construiremos uma nova cultura onde os corpos evoluem para um nível mais alto de energia e percepção.
  9. Neste caminho, participamos de uma longa jornada desde o Big-bang até o último objetivo da vida: energizar nossos corpos, de geração em geração, até encontrarmos um céu que possamos ver finalmente.

Via: Tom Cau – Palestrante, Facilitador, Treinador, Coach na empresa Vila da Glória – Instituto de Desenvolvimento Humano e Coach, Consultor e Facilitador na empresa Arpana

30 TRAÇOS MAIS COMUNS DO SENSITIVO OU EMPATA

52

1. Saber: os sensitivos sabem coisas, sem lhes ser dito. É um conhecimento que vai além da intuição, mesmo que essa seja a forma como muitos poderiam descrever o saber. Quanto mais sintonizados eles são, mais forte este dom se torna.

2. Estar em locais públicos pode ser esmagador ou avassalador: lugares como shoppings, supermercados ou estádios onde há uma grande quantidade de pessoas ao redor pode preencher o empata com as emoções turbulentas vindas de outras pessoas.

3. Sentir as emoções e tomá-las como suas: este é grande fardo para sensitivos. Alguns deles vão sentir emoções vindas daqueles que estão perto e outros poderão sentir as emoções de pessoas a uma grande distância, ou até ambas. Os empatas mais sintonizados irão saber se alguém está a ter maus pensamentos sobre eles, até mesmo a uma grande distância.

4. Assistir violência, crueldade ou tragédias na TV pode tornar-se insuportável. Quanto mais sintonizado um empata se torna, pior se torna o ato de ver TV. Pode acontecer, eventualmente, este ter de parar de ver televisão e ler jornais por completo.

5. O empata sabe quando alguém não está a ser honesto: se um amigo ou um ente querido lhe está a dizer mentiras ele sabe disso (embora muitos sensitivos tentam não se focar muito nesse conhecimento porque saber que um ente querido está a mentir pode ser doloroso). Se alguém está a dizer alguma coisa mas se ele sente ou pensa de outra, o empata simplesmente sabe.

6. Captar os sintomas físicos de uma outra pessoa: um empata pode desenvolver as doenças de outra pessoa (constipações, infecções oculares, dores no corpo e dores), especialmente aqueles que são mais próximos, um pouco como as dores de simpatia.

7. Distúrbios digestivos e problemas nas costas: o chacra do plexo solar tem base no centro do abdômen e é conhecido como a sede das emoções. Este é o lugar onde os empatas sentem a emoção de entrada do outro, o que pode enfraquecer a área e, eventualmente, levar a qualquer problema, desde úlceras estomacais a má digestão, entre muitas outras coisas. Os problemas nas costas podem-se desenvolver porque quando uma pessoa que não tem conhecimento que é um empata e não está preparada, estará quase sempre “sem chão”.

8. Sempre a olhar os oprimidos: qualquer um cujo sofrimento, dor emocional, a ser vítima de injustiça ou intimidado, chama a atenção e a compaixão de um empata.

9. Outros irão querer descarregar os seus problemas, até mesmo estranhos: um empata pode-se tornar uma lixeira para questões e problemas de toda a gente e se não tiver cuidado pode acabar como utilizando esses problemas como seus próprios.

10. Fadiga constante: os sensitivos muitas vezes ficam sem energia, seja de vampiros de energia ou apenas captando em demasia a energia dos outros, que até mesmo o sono não cure. Muitos são diagnosticados com Fadiga Crônica ou até Fibromialgia.

11. Personalidade possivelmente viciada: álcool, drogas, sexo, são, para citar apenas alguns vícios a que os empatas podem recorrer, para bloquear as emoções dos outros. É uma forma de auto-proteção, a fim de se esconder de alguém ou de algo. Pode não se tornar um vício mas, em menor escala, hábitos regulares.

12. Atração para a cura, as terapias holísticas e todas outras coisas metafísicas: embora muitos sensitivos gostassem de curar os outros, podem acabar por se afastar dessa vocação (mesmo tendo eles uma capacidade natural para isso), depois de se terem estudado e formado, porque eles carregam muito daqueles que eles estão a tentar curar. Especialmente se eles não sabem da sua capacidade e habilidade da empatia. Qualquer coisa que tenha uma natureza sobrenatural é de interesse para os sensitivos e não se surpreende ou ficar chocado facilmente. Mesmo com uma revelação que muitos outros considerariam impensável, por exemplo, os empatas teriam reconhecido o mundo seria redondo quando todos os outros acreditavam que era plana.

13. Criatividade: a cantar, dançar, atuar, desenhar ou escrever, um empata terá uma forte veia criativa e uma imaginação muito fértil.

14. Amor pela natureza e pelos animais: estar ao ar livre na natureza é uma obrigação para os sensitivos e os animais de estimação são uma parte essencial da sua vida. Podem não os ter porque acredita que eles devem ser livres mas têm grande carinho e proteção por eles.

15. Necessidade de solidão: um empata vai agitar-se e ficar louco se ele não receber algum tempo de silêncio. Isto é ainda muito evidente em crianças empáticas.

16. Fica entediado ou distraído facilmente se não for estimulado nas tarefas mais rotineiras: trabalho, escola e vida doméstica tem que ser mantidas interessantes para um empata ou eles desligam-se delas e acabam a sonhar, rabiscar ou a procrastinar.

17. Consideram impossível fazer coisas que não gostam: como no anterior, parece que eles estão a viver uma mentira por fazê-lo. Para forçar um empata a fazer algo que ele não gosta, através da culpa ou rotulando-o como passivo servirá apenas para fazê-lo ficar infeliz. É por esta razão que muitos sensitivos ficam rotulados como sendo preguiçosos.

18. Luta pela verdade: isso torna-se mais predominante quando um empata descobre seus dons de nascença. Qualquer coisa que seja ele sente que está completamente errada.

19. Sempre à procura de respostas e conhecimento: ter perguntas sem resposta pode ser frustrante para um empata e eles vão esforçar-se sempre para encontrar uma explicação. Se eles têm um conhecimento sobre algo, eles irão procurar a confirmação. O lado mau disso pode ser a sobrecarga de informações.

20. Gostam de aventura, liberdade e viagens: os sensitivos são espíritos livres.

21. Abomina a desordem: ela traz uma sensação ao empata de peso e bloqueia o seu fluxo de energia.

22. Adora sonhar acordado: um empata pode olhar para o espaço por horas, ficando num mundo muito próprio e de muita felicidade.

23. Acha a rotina, as regras ou o controlo aprisionante: qualquer coisa que tire a liberdade é debilitante para um empata.

24. Propensão para carregar peso sem necessariamente se desgastar: o excesso de peso é uma forma de proteção para impedir a chegada das energias negativas que têm tanto impacto em si.

25. Excelente ouvinte: o empata não vai falar de si, a menos que seja para alguém em quem realmente confia. Ele gosta de conhecer e aprender com os outros e genuinamente cuidar.

26. Intolerância ao narcisismo: embora sensato e generoso e muitas vezes tolerante para com os outros, os sensitivos não gostam de ter pessoas ao seu redor excessivamente egoístas, que se colocam em primeiro lugar e se recusam a considerar os sentimentos dos outros, ou pontos de vista diferentes do seu.

27. A capacidade de sentir os dias da semana: um empata sentirá o “Sentimento de Sexta-feira”, quer ele trabalhe às sextas-feiras ou não. Eles captam sobre como o colectivo se está a sentir. O primeiro par de dias de um longo fim de semana de feriado (da Páscoa, por exemplo) pode ser sentido por eles, como se o mundo estivesse sorrindo, calmamente e relaxadamente. Domingo à noite, as segundas-feiras e terças-feiras, de uma semana de trabalho, têm um sentimento muito pesado.

28. Não vai optar por comprar antiguidades, vintage ou coisas em segunda mão: qualquer coisa que tenha sido pré-propriedade, carrega a energia do proprietário anterior. Um empata vai mesmo preferir ter um carro ou uma casa nova (se eles estiverem numa situação financeira que lhe permita fazê-lo), sem energia residual.

29. Sente a energia dos alimentos: muitos sensitivos não gostam de comer carne ou aves, pois eles podem sentir as vibrações do animal (especialmente se o animal sofreu), mesmo se eles gostarem do seu sabor.

30. Pode parecer mal-humorado, tímido, indiferente, desconectado: dependendo de como um empata se sente, isso irá influenciar com que cara eles se mostram para o mundo. Eles podem ser propensos a mudanças de humor e se eles captaram energia muito negativa aparecerão calados e insociáveis, parecendo mesmo miseráveis. Um empata detesta ter de fingir ser feliz quando está triste, isso só aumenta a sua carga (torna o trabalho no sector de serviços, quando é preciso fazer o serviço com um sorriso, muito desafiador) e pode fazê-los sentir como que se escondendo debaixo de uma pedra.

Se você pode identificar-se com a maioria ou com todos os itens acima, então você é definitivamente mais um empata.

Os sensitivos estão a ter um momento particularmente difícil, no momento presente, captando todas as emoções negativas que estão a ser emanadas para o mundo a partir da população que sente as dificuldades da sociedade atual, por todo o mundo.

Fonte: Ser Único

CINCO MANEIRAS DE RECUPERAR A ENERGIA QUE VOCÊ DESPERDIÇA TODOS OS DIAS

 

237

1. Reduzir o tempo de pensamento inútil

Se passamos um dia olhando para natureza dos nossos pensamentos – principalmente se preocupando com o futuro ou agonizando sobre o passado, muitas vezes negativo contra os outros, mas mais frequentemente a si mesmo – não é de estranhar que no final do dia, nos sentimos como se tivéssemos lutado o nosso caminho através de um campo de batalha!
No início temos uma espécie de alegria perversa sobre o pensamento negativo, mas esta espada de dois gumes rapidamente se volta a nós e nos deixa em uma situação “eu-contra-o-mundo”, totalmente desprovido de esperança e inspiração. O truque é resistir à emoção inicial que você começa a sentir a partir de pensamentos negativos, lembrando como eles são prejudiciais. Foi mencionado várias vezes neste blog, mas sempre vale a pena repetir como uma prática de meditação pode realmente ajudá-lo a este respeito, treinando você primeiramente a aquietar a mente, e então permitindo que você apenas tenha os pensamentos que você quer ter.

2. Não se envolva em situações com quais você não consegue lidar.

Muitas vezes, superestimamos nossa própria força emocional, e estamos mais do que prontos para dar consultoria gratuita a pessoas em situações difíceis. E assim, muitas vezes ficamos em situações difíceis, onde a conversa gira e gira em círculos inúteis e acabamos nos sentindo muito deprimidos e exaustos no final da conversa.
Você tem que reconhecer sua própria força interior e ver se você pode realmente estar a serviço de alguém. Se não for possível, você pode focar em apenas ser uma fonte de amor e apoio para eles em seu período difícil (muitas vezes este acaba por ser muito mais poderoso do que qualquer coisa que você poderia dizer de qualquer maneira), e talvez até mesmo apontá-los ao caminho de outras pessoas que podem ajudá-lo.

3. Tire uma soneca diária

Estamos mais propensos a cair em práticas de energia enfraquecidas conforme o dia nos desgasta, e nos tornamo mais expostos ao stress e tensões da vida.
Um cochilo de meia hora aqui pode ser ideal para quebrar o dia em 2 partes, e dando-lhe um novo sopro de vida, enquanto se dirige para a “fase 2”, com um novo propósito e uma nova vitalidade.
O menor tempo de produção do dia é logo depois do almoço, pois o processo de digestão nos faz começar a sentir um pouco sonolento, então este é o momento ideal para deitar a cabeça por alguns minutos. Pode ser por apenas quinze ou vinte minutos – você vai logo descobrir que sua mente é facilmente enganada, pois ela acorda totalmente revigorada e pensa que esteve a dormir durante horas.

4. A mudança é tão boa como um descanso (ainda melhor na verdade)

Muitas vezes, persistir obstinadamente na mesma tarefa pode nos esgotar, especialmente se ela está indo a lugar nenhum. Outras vezes, nos desgastamos por antecipar a montanha de coisas que temos que fazer, explodindo-as em nossas mentes até que se tornam muito grandes para suportar.
Nossa disposição mental tem uma enorme influência sobre nossos níveis de energia, e se nossa mente está ficando desanimada de ser presa no mesmo lugar, isso realmente vai nos levar para baixo. Não tenha medo de fazer uma pausa e mudar de projetos para que você possa realmente fazer algum progresso.
Quando você voltar ao seu projeto original, você vai se surpreender como o tempo gasto fora do projeto deu-lhe uma perspectiva nova e maior. E quando estiver fazendo uma tarefa, tente manter o foco nessa tarefa e somente nela, ao invés de muitas tarefas que ainda temos que seguir depois. Ao obter alegria do processo ao invés do acabamento, você pode transformar muitas de suas tarefas diárias de energia que drenam para as ações de energia que incentivam!

5. Evite períodos de conflito

Na nossa vida profissional e vida pessoal, invariavelmente entramos em contacto com as mesmas pessoas todos os dias, e ao longo do tempo, desenvolvemos um padrão de interação com elas que nós naturalmente entramos.
É claro que esses padrões também inclue a parte deles de tensão e conflito – Quantas vezes nos colocamos dentro de um argumento ou alguma outra situação estressante, unicamente por força do hábito? O importante aqui é estar atento aos gatilhos que começam a coisa toda – outras ações negativas e sua própria reação igualmente negativa para eles. Pode ser uma prática muito difícil aprender a não responder da mesma maneira antiga, e, invariavelmente, haverá tropeços no caminho, mas em breve você vai notar uma diferença para melhor no seu ambiente cotidiano, e isso vai inspirá-lo ainda mais.

ANO NOVO, VIDA NOVA

Imagem

Toda mudança de ano nos traz a oportunidade de zerar o passado e recomeçar com novas forças e esperanças. Como num Rito de Passagem, este é um momento em que podemos nos reciclar, estabelecer novas metas e transformar a nossa vida. E o conhecimento da Lei da Atração pode ajudá-lo a projetar os seus desejos ao Universo, para que você atraia uma vida verdadeiramente nova. 

São três as etapas de mudança:

1ª – Encerre de verdade o ano que passou

Reserve algumas horas para se isolar e pensar em sua vida nos doze meses passados. Faça um balanço geral dos acontecimentos e busque extrair suas lições: onde você errou, onde você acertou. Mas, principalmente, o que aprendeu com as suas experiências. 

Tenha cuidado com os padrões de pensamento que você estabelece nessa reavaliação, pois se você conclui que esse namoro não deu certo, porque homem nenhum presta, você irá ficar sozinha ou atrair novas experiências do mesmo tipo, porque este é o padrão masculino que você impregnou em sua vida. 

Fique atento também para a auto-imagem que você estabelece nessa avaliação, porque se você chegar à conclusão que sou enrolada, fui incapaz de realizar as coisas que me propus fazer, com certeza irá projetar essa imagem para o ano seguinte também. Veja-se como uma pessoa capaz, em processo de aprendizado e de desenvolvimento dos seus talentos.

É fundamental que, ao rever o passado, perante situações de raiva e frustração, você sinta as emoções, mas a seguir deixe-as ir. A Lei da Atração mostra que se você cultivar a mágoa e o ressentimento -mesmo que eles tenham um motivo justo- isto irá lhe manter preso nas situações do passado ou atrair novas estórias do mesmo tipo – porque esse é o padrão que você está projetando no universo. 

Agradeça, agradeça, agradeça por todas as coisas boas que a vida lhe trouxe. 
Costumamos pensar no que nos falta, mas esse é o momento de focar a sua atenção nas muitas bençãos que já existem em sua vida e que muitas vezes se tornam invisíveis com o tempo. Olhe em volta e reconheça o que você já tem, a pessoa que é, com suas qualidades e defeitos, sempre crescendo e aprendendo; a saúde, a família, a alegria dos filhos, o lugar onde mora, o almoço de domingo, os amigos, os livros que leu, os filmes que assistiu, as coisas que aprendeu, as pequenas e grandes conquistas.

Abençoe o ano velho com tudo o que lhe trouxe, de positivo e negativo. E depois, despeça-se e entregue tudo ao universo. Feche o ciclo. Deixe o passado ir embora. Sinta-se livre e aberto para um novo ciclo. 

2º – Defina o que você quer

Se você for vago e apenas pensar eu quero coisas boas para esse ano, não estará enviando informações claras ao Universo. É fundamental que você saiba exatamente o que quer, para que as coisas sejam atraídas à sua vida. 

No 1º dia do ano (ou agora, após ler este texto), separe também algumas horas, mas agora para pensar na vida que você quer para si mesmo. Sente-se, fique em silêncio ou coloque uma música tranqüila. Busque se interiorizar e sentir o que você realmente gostaria de viver, realizar e conseguir. Tente sentir, mais do que pensar, no que realmente lhe trará felicidade e realização. Escreva tudo o que lhe vier à cabeça, sem racionalizar ou criticar. 

Agora divida a sua vida nas várias áreas que você considera importantes: Amor, Amigos, Família, Profissional, Saúde, Finanças e outras que desejar (Emocional, Espiritual, Lazer etc.). 

Então, elabore melhor o que escreveu, acrescentando detalhes e visualizando com clareza o que deseja. Insira a sua lista dos desejos nas áreas da sua vida. 

3º – Crie a Imagem dos seus sonhos

Um poderoso recurso que poderá lhe lembrar constantemente suas metas para o ano é a imagem. Ela pode atingir diretamente o seu inconsciente, plantando nele a semente dos seus desejos. E ativar a informação que você projeta ao Universo. 

Compre ou construa um painel de cortiça de tamanho médio ou grande. 
No centro dele coloque uma foto em que você está alegre, irradiando felicidade, saúde e confiança. 
No topo do painel, na posição central, coloque em letras grandes e coloridas o tema central deste ano 4: MATERIALIZO TODOS OS MEUS SONHOS.
Divida agora o painel nas várias áreas de vida que delineou. E pense: como posso criar uma imagem clara do que eu quero?

Busque fotos e recortes que representem o que você deseja, em fotografias antigas, revistas e imagens na internet. Se quiser uma casa, por exemplo, encontre uma que tenha o estilo que você gosta; você pode ainda recortar outras imagens, que mostrem uma janela com floreiras, jardins floridos, um banheiro com hidromassagem ou uma piscina. Componha uma imagem nítida da casa dos seus sonhos.
Se quiser, pode ainda colar em cada área frases com palavras-chave a alcançar. Se andar muito estressada, escreva Estou em paz com a vida ou Mantenho a paz em todas as situações.

O Painel dos Desejos é dinâmico e você pode modificá-lo durante o ano, à medida que muitos objetivos vão sendo alcançados e novos desejos surgem. 

Mantenha o painel num lugar onde você possa vê-lo continuamente. Desta forma, você está sempre mantendo em foco o que deseja e também dinamizando e realimentando a sua comunicação com o Universo que, com certeza, lhe responderá, trazendo à sua vida a materialização dos seus desejos. 

Feliz Ano Novo!

 

Por: Sonia Weil – Professora de Comunicação Social e Pesquisadora na Área de Numerologia

OS BENEFÍCIOS DO ALINHAMENTO ENERGÉTICO

 

Imagem

Você já experimentou a sensação de estar desalinhado, deslocado, sem sintonia com os acontecimentos? Tenho certeza que sim! A sensação de ‘desalinhamento energético’ pode ser experimentada como náusea, sonolência e até vertigem, mas o mais importante é que quando estamos em desalinhamento não conseguimos alcançar nossas metas. Imaginem o que acontece com um instrumento de orquestra que não está afinado. Apesar dos esforços de seu intérprete, a música produzida resultará fora de sintonia com o restante da orquestra e poderá prejudicar a inteira obra executada! Quem já foi assistir a um concerto de música clássica, percebeu a importância do afinamento dos instrumentos que geralmente é fornecido pelo primeiro violino antes do início da execução. Todos os outros instrumentos são afinados com a primeira nota musical fornecida pelo primeiro violino e que serve de sintonia para a inteira orquestra. A sinfonia celestial tem um afinamento similar e depende de cada um de nos manter essa sintonia. 

Porém, ao longo da vida, experimentamos vários períodos de desafinamento. Nos sentimos ‘fora de sintonia’ mais ou menos como um rádio que não consegue sintonizar adequadamente nenhuma estação e não nos permite ouvir o programa desejado. Como podemos ouvir o que uma determinada estação está transmitindo? E ainda, como podemos compreender a mensagem do Criador se não estamos afinados com a energia que ele nos envia através do Cosmo infinito? Como podemos ser um instrumento afinado, se não conseguimos nos sintonizar com a nota correta para tocar a Sinfonia dos Planetas? Uma só nota desafinada, desafina todo o sistema planetário e é certamente essa falta de sintonia que afeta o planeta Terra nesse período de transformações sociais e que, consequentemente, causa tanta violência, tanta maldade, tantas catástrofes e tanta infelicidade! 

Mas, você dirá, como eu, tão pequenino, ínfima poeira de estrelas, posso fazer a diferença nesta grande sinfonia? Quem ouvirá se eu estou desafinando? 
Caro leitor, cada instrumento da orquestra tem sua importância. Não existe o pequeno ou o grande, especialmente em tamanho. Todos os instrumentos de Deus são importantes, e você também! 

Segundo os cabalistas, antes do início de tudo, existe o Ain Soph, ou Luz Infinita, e antes ainda o Nada infinito. Através do Ain Soph, a vibração da Luz começa a ficar mais densa para poder chegar até nós e a se manifestar em nossa dimensão densa. Ao longo do caminho dessa materialização, a Luz pode ser interrompida e bloqueada e encontrar obstáculos que irão impedir a materialização de nossos objetivos de vida. A área afetada pelo bloqueio será aquela que originalmente iniciou a descida da Luz. Por exemplo, se na origem, seu desejo foi de ordem afetivo e sentimental, será esse o campo afetado pelo bloqueio. Então, seus relacionamentos se tornam desarmônicos e infelizes. Consequentemente, surgem as desavenças, as discussões e as brigas e até mesmo as separações entre os entes queridos. Se na origem, suas iniciativas visavam o campo material ou financeiro, essa será a área afetada pelo bloqueio e onde surgirão os seus problemas maiores. 

Agora você vai perguntar: vou conseguir afinar sozinho minha energia? Ou vou precisar de ajuda? Muitas vezes, as pessoas conseguem esse realinhamento sozinhas, através de práticas como a meditação, o alinhamento de chacras, a yoga, Tai Chi, a oração e outras práticas espirituais. Porém, muitas vezes precisaremos recorrer à ajuda de um profissional, de um terapeuta. Como tudo o que existe no universo é energia manifestada, as pessoas que conseguem se tornar instrumentos de intermediação para a canalização da energia do Divino se tornam úteis para essa finalidade. Quem manipula essa energia se torna ‘mago’ (ou sacerdote, sacerdotisa, bruxa etc.) pois devemos considerar que a magia é a arte de manifestar no campo físico algo que existe no campo astral. Para esse fim são usadas varias técnicas, com cerimoniais e orações, de forma a criarem egrégoras capazes de intervir no campo astral e se manifestar posteriormente no campo físico. Eu creio que no Brasil as magias mais difundidas sejam aquelas relacionadas com a religião da Umbanda e do Candomblé. Porém, devemos considerar que até mesmo uma cerimonia como a Santa Missa Católica é uma cerimônia mágica! 

Eu tenho me aprofundado cada vez mais no atendimento com a Mesa Radiônica e em outras técnicas de radiestesia. Com esse instrumento, posso ajudar a pessoa a encontrar o alinhamento ideal com a vibração da Luz que a ajudará a realizar o seu desejo na matéria. Se com a astrologia posso fazer o diagnóstico, com a radiestesia posso induzir a cura! Explico: o operador de mesa radiônica funciona como um bio-terapeuta, pois, da mesma maneira que um técnico que com seus instrumentos mede a sintonia fina de seu instrumento musical (ou de seu radio ou TV, por exemplo) e a conserta no afinamento ideal, o bio-terapeuta promove um alinhamento energético ideal na sintonia da pessoa, corrigindo as falhas da sintonia energética desequilibrada, e pode através dos gráficos da geometria sagrada e do disco das cores divinas, restabelecer o afinamento necessário para a realização do desejo (criação da egrégora) e de sua posterior manifestação no campo físico. 

Muitos me perguntam: o que é a Mesa Radiônica? A Mesa consiste num painel que possui vários desenhos e gráficos baseados na geometria sagrada. Sua finalidade é criar egrégoras que possam medir, corrigir e interferir no alinhamento energético da pessoa, reestabelecendo sua energia ideal. A consulta pode ser presencial ou à distância. Existe, porém, sempre haverá a necessidade de um testemunho da pessoa, ou seja, de um campo energético que possa criar um elo de ligação entre o terapeuta, o consultado e o Divino. A data de nascimento, assim como uma foto, são necessários para uma consulta à distância que pode ser feita via Skype. Para as vibrações dos gráficos de radiestesia, pode ser necessário fornecer algo mais, como por exemplo, um cabelo ou uma unha que forneça o DNA da pessoa. Nos gráficos, são colocados os pedidos pessoais que devem ser vibrados diariamente com o pêndulo para a criação da egrégora. Aos poucos, a egrégora cria a manifestação do pedido na vibração terrena. 

Caro leitor, Ele, o Criador, nos pede que estejamos em sintonia com as vibrações do Cosmo para que não sejamos instrumentos de desafino na grande Sinfonia Cósmica! Se quisermos viver felizes, prósperos e realizados, precisamos manter sempre esse alinhamento entre o campo material e o campo astral. Evitaríamos muito sofrimento, muitas doenças e muita infelicidade! Aproveitem para afinar seu instrumento! 

Por: Graziella Marraccini

Saiba mais: https://omundodegaya.wordpress.com/misttico/

AMOR E DESAPEGO AO RESULTADO – LEI DA ATRAÇÃO

Imagem

Suas emoções são como um elixir de vida: É o alimento precioso do Universo. Não há nada no mundo que se compare a este fluir energético que perfila estrelas e remonta galáxias. Ah, o coração tem espelhos que nunca se estilhaçam, lâminas vitais que refletem do lado de fora. Porta da alma! És tão criativo que anjos orquestram uma canção em teu nome.

“Se eu quero uma mulher, eu vou lá e pego…” E essa relação não dura, pois o curto espaço de entrega foi tão pouco em seu interior que o fogo logo se apaga. O universo quer de você uma ampliação da sua felicidade, algo que fale de uma construção, envolvendo sentimentos, anseios, imaginação, intuição, paixão, entrega… Algo que você possa experimentar de forma duradoura e não apenas por 4 semanas.

“Eu quero aquele homem, sinto que nascemos um para o outro, embora ele esteja casado com outra mulher. Ou, por qualquer outro motivo, esta pessoa não pode estar comigo. Ele/ Ela não me trata como eu gostaria…”

Largue o controle do universo, muitas vezes, pensamos que sabemos onde está nossa felicidade e rejeitamos a hipótese de que ela possa não ter nada a ver com o endereço em que achamos que a felicidade está. Procure não ter idéia fixa quanto o parceiro(a). O universo devolve a manifestação com bases nos seus sentimentos, ele pode até devolver o produto inteiro pra você, mas o resultado forçado com nome e endereço é por sua conta e risco. O amor acontece fácil e se ele não está rolando, parta para outra mesmo que essa decisão nao seja nada fácil. Desimpedido, o amor lhe mostrará um caminho longe da teimosia do sofrimento. O universo não gosta de meias palavras, nem de sentimentos de autocomiseração, nem de lhe enviar o que é dos outros. O universo gosta de dar origem ao novo. O infinito é tão copioso e criativo, por isso todos os seus lances serão limpos e se você realmente estiver alinhado com essa verdade a sorte no amor estará ao seu lado. Procure idealizar um relacionamento em que você enxerga seus melhores sentimentos, alguém que não tenha um nome, que você nunca tenha visto antes… Comece zerando seus escanteios para que o sentimento flua de maneira precisa e alcance um resultado ideal.

“Eu preciso amar com alguma referência, não consigo me apaixonar por alguém invisível…”

Você pode amar e admirar quem quiser: um colega de trabalho, alguém do passado e até mesmo um ator/atriz e você estará criando um perfil a respeito do seu sentimento. Você estará dizendo ao universo que tipo de parceiro (a) é o seu ideal. E como o universo jamais jogará sujo com suas emoções, trará para sua vida alguém que seja o espelho do que está no seu coração. Você ficará admirado com as coincidências, com as semelhanças entre aquilo que era apenas um anseio da sua medula espiritual e aquilo que é realmente palpável. Contudo, mantenha uma atitude desapegada quanto à pessoa, não force uma situação, não dê nem nome a ela.

A paixão é como uma droga. É díficil se desvencilhar dela, mas tente esquecer a droga; fique só com o efeito!

O amor é irmão gêmeo do desapego, por isso ele é livre, grato e feliz. Não se preocupe com o resultado, nem como ou onde você encontrará o amor, pois este é cunho administrativo do universo. Confie que o universo trará para a sua vida a melhor pessoa do mundo com base nos seus sentimentos e nas caracteristicas que você escolheu em um parceiro(a) de acordo com as suas necessidades. Escolha, use o seu poder num campo que é tão ilimitado de possibilidades. A preguiça deixa você menos criativo e cativo de velhos sofrimentos, abra a sua visão para aquilo que dá certo!Toda vez que você tenta controlar ou se apegar àquela pessoa que você já conhece e que despertou sua paixão, é sinal de que há medo em seu interior. O medo é sinal de que você não está pronto e sem confiança o que é que o universo pode lhe devolver? Ele pode estar querendo lhe mostrar um caminho bem melhor que você ainda não está conseguindo ver. É a insistência naquilo que já deu o que tinha que dar que mais machuca…

O amor é um estado do Ser. Não está do lado de fora, está bem lá dentro de nós. Não temos como perdê-lo e ele não consegue nos deixar. Não depende de um outro corpo, de nenhuma forma externa.

(Eckhart Tolle)

Saiba mais:https://omundodegaya.wordpress.com/misttico/

SAIBA COMO A ESPIRITUALIDADE LEVA AO SUCESSO

3

Muitas pessoas ficam em dúvida sobre seguir o lado racional ou emocional para ter sucesso na vida. Na verdade, os dois são importantes se usados com equilíbrio e inteligência. Isso porque nossa mente é constituída de múltiplas inteligências que nos alavancam em direção aos nossos objetivos e metas. A seguir, confira três tipos de inteligência que fazem as pessoas prosperarem na vida.

saiba mais

Inteligência intelectual: ela é conhecida como QI (Quociente de Inteligência). É a inteligência analítica pela qual elaboramos conceitos e fazemos ciência. Com ela organizamos o mundo e solucionamos problemas objetivos, o tal do racional.

Inteligência emocional: popularizada pelo psicólogo e neurocientista de Harvard David Goleman, com seu conhecido livro A Inteligência Emocional (QE = Quociente Emocional). Mostra que somos, primariamente, seres de paixão, empatia e compaixão, e só em seguida, de razão. Quando combinamos QI com QE conseguimos nos mobilizar a nós e a outros. Vamos ao encontro de nossos objetivos.

Inteligência espiritual: descoberta recentemente, essa é prova empírica de sua existência. Segundo cientistas, existe nos seres humanos um tipo de inteligência pela qual não só captamos fatos, ideias e emoções, mas percebemos os contextos maiores de nossas vidas e totalidades significativas. Ela nos torna sensíveis a valores, a questões ligadas a Deus e à transcendência. É chamada de inteligência espiritual (QEs = Quociente espiritual), porque é característico da espiritualidade captar totalidades e se orientar por visões transcendentais.

“É uma terceira inteligência, que coloca nossos atos e experiências num contexto mais amplo de sentido e valor, tornando-os mais efetivos. Ter alto quociente espiritual (QS) implica ser capaz de usar o espiritual para ter uma vida mais rica e mais cheia de sentido, adequado senso de finalidade e direção pessoal. O QS aumenta nossos horizontes e nos torna mais criativos. É uma inteligência que nos impulsiona. É com ela que abordamos e solucionamos problemas de sentido e valor. O QS está ligado à necessidade humana de ter propósito na vida. É ele que usamos para desenvolver valores éticos e crenças que vão nortear nossas ações. De que modo essas pesquisas confirmam suas ideias sobre a terceira inteligência? Os cientistas descobriram que temos um “ponto de Deus” no cérebro, uma área nos lobos temporais que nos faz buscar um significado e valores para nossas vidas. É uma área ligada à experiência espiritual”, explica a física quântica Danah Zohar, que identifica dez qualidades (*) comuns às pessoas espiritualmente inteligentes.

Isso explica como, trabalhadas em harmonia, essas três inteligências podem nos ajudar a ter sucesso na vida. Pense nisso.

Por : Franco Guizzetti

MAGIA ELEMENTAL – A FORÇA QUE VEM DA ALMA

Imagem

Magia Elemental é o Sistema de Magia que se utiliza dos elementos como símbolos para a prática de rituais. Historicamente, o sistema ocidental de classificação dos elementos tem suas raízes na Grécia antiga, na tentativa de explicar o cosmo e o ser humano. Assim, o estudante pode tanto buscar a Magia Elemental para compreender o mundo ao seu redor quanto para de maneira subjetiva, entender a si mesmo.

Assim, aos elementos foram atribuídas algumas características principais:

Fogo é quente e seco

Água fria e úmida

Ar quente e úmido

Terra fria e seca

Imagem

Note-se que, dependendo da visão utilizada, os elementos podem ser apenas símbolos para um ritual como objetos que possuem o mesmo tipo de energia do que aquela que se busca durante determinado ritual.

Externamente, pode-se associar os sólidos à Terra, os líquidos à Água, os gases ao Ar e o Plasma ao Fogo.

Por fim, por influência Aristotélica, foi concebido um quinto elemento, o Espírito ou Éter, que seria uma espécie de coordenador dos outros quatro elementos.

Os elementos normalmente são representados pelas cores Vermelho para o Fogo, Azul para Água, Amarelo para o Ar, Verde para Terra e Preto para o Espírito.

Pode-se traçar um paralelo entre as concepções clássicas dos elementos e a Teoria dos Tipos Psicológicos de (Carl Gustav) Jung , mais especificamente quanto às Funções Psicológicas. Este estudioso dividiu em quatro funções fundamentais: Pensamento, Sentimento, Sensação e Intuição.

Possibilita-se assim uma visão subjetiva e interna da ação de quatro dos elementos sendo que as duas primeiras, Pensamento e Sentimento, seriam, para Jung, maneiras de tomar decisões, enquanto as duas últimas, Sensação e Intuição, seriam formas de apreender informações. E quando os elementos/funções estivessem em equilíbrio teriam as seguintes características.

O Elemento Ar pode ser comparado à Função Pensamento, caracterizado pela capacidade de tomar decisões objetivas, lógicas e coerentes. Assim, o predomínio deste elemento/função tende a levar o indivíduo à uma preferência por escolhas racionais, planejadas e eficazes.

O Elemento Água pode ser comparado à Função Sentimento, caracterizando subjetivamente um indivíduo que tem a preferência por sentimentos fortes, mesmo que tristes. A predominância deste elemento no indivíduo faz com que ele tenda a levar em conta valores ao tomar decisões.

O Elemento Terra pode ser comparado à Função Sensação, que seja a observação do concreto, do detalhe, do sólido. A experiência concreta, obtida por meio dos sentidos sempre prevalecerá. Subjetivamente este elemento faz com que a pessoa esteja sempre no presente, no agora, no momento atual, pronta para tomar decisões imediatas.

O Elemento Fogo pode ser comparado à Função Intuição, possuindo como característica a abstração, é uma forma de apreender informações que leva em conta o passado, o futuro e as implicações das escolhas. Trata-se de uma análise do efêmero permeada por processos inconscientes. Leva-se mais em conta a valoração dos objetos do que o objeto em si, relacionando-a com experiências passas ou informações inconscientes.

Existe ainda a relação que pode ser feita entre os elementos e os quatro elementos e o Tarô, primeiramente quanto aos naipes: Bastões [ou Paus], Copas [Corações ou Taças], Espadas e Discos [ou Pantáculos ou Ouros]. O Bastão é relacionado com o Elemento Fogo. Copas é relacionado com o Elemento Água. Espadas é relacionado com o Elemento Ar. Discos é relacionado com o ElementoTerra.

Outra relação possível entre os quatro elementos e o tarô é quanto às cartas da corte: Rei, Rainha, Príncipe e Princesa. O Rei representa o Fogo. A Rainha Representa a Água. O Príncipe representa oAr. A Princesa representa a Terra.

Assim, pode-se perceber que poderá haver no Tarô uma mescla entre os elementos, podendo se falar que um Rei de Espadas é a manifestação ígnea do Ar ou uma Rainha de Discos é a manifestação aquática da Terra, etc.

Astrologicamente, os quatro elementos são distribuídos da seguinte maneira pelos Signos. O Fogo é o elemento dos signos de Áries, Leão e Sagitário. A Água e o elemento dos signos Câncer, Escorpião e Peixes. O Ar é o elemento dos signos Gêmeos, Libra e Aquário. A Terra é o elemento dos signos Touro, Virgem e Capricórnio.

Na classificação cabalista relacionam-se os quatro elementos com letras do alfabeto hebraico, primeiramente com as três letras mães onde o Fogo é ש [Shin ou Sin], a Água é מ [Mem, quando é grifado no final da palavra: ם] e o Ar é א [Aleph ou Alef]. O elemento Terra corresponde a última letra do alfabeto, que seja, o ת [Tau ou Tav]. FogoÁgua e Ar seriam elementos estritamente espirituais, que se manifestariam de maneira sensível quando cristalizados no quarto elemento, aTerra.

Utilizando ainda os elementos para dividir Árvore da Vida [ou Otz Chiim] da seguinte maneira: ao Fogoatribui-se a Sephira de Kether, o número 1, à Água corresponderiam as Sephiroth [plural de Sephira] de Chokmah e Binah, os números 2 e 3, ao Ar corresponderiam as Sephiroth de Chesed, Geburah, Tiphareth, Chesed, Hod e Yesod, numeradas respectivamente por 9,8,7,6,5,4,3 e 2, por fim, a Terraseria correspondente a Sephira de Malkuth, 10.

Se utilizarmos a árvore da vida no Arranjo anterior para analisar o homem, o Fogo corresponderia à sua essência espiritual [Jechidah] , a Água representaria seus aspectos criativos e transmissivos [Chiah e Neschamah], o Ar representaria suas qualidades mentais e morais [Ruach], enquanto a Terrarepresentaria seu veículo físico [Nephesch].

Os quatro elementos também podem ser atribuídos a quatro Arcanjos, o Fogo seria o elemento de Micael, a Água de Gabriel, o Ar de Rafael e a Terra de Auriel [ou uriel].

A correspondência feita com as Armas mágicas seria a de relacionar o Fogo à baqueta, a Água à Taça, o Ar à Espada e a Terra ao Pentáculo, sendo que o magista representaria o quinto elemento, o Espírito.

Pode passar desapercebido ao leigo, mas em todas a culturas encontra-se a caracterização dos elementos através de mitos e lendas, nos sistemas mágicos podemos encontrar alguns seres que, conforme o entendimento do magista, podem de fato existir ou ter uma consideração meramente simbólica. Geralmente atribuí-se ao Fogo as Salamandras, à Água as Ondinas, ao Ar os Silfos e àTerra os Gnomos.

Porém, deve ser observada a influência da magia elemental em todas as culturas, por exemplo, no Brasil, têm-se no meio de lenda os Saci-Pererê, como uma representação dos Gnomos, o Boitatá como uma representação equivalente às Salamandras, a Iara ou a Alamoa como uma representação equivalente às Ondinas e os Silfos normalmente são representados por lendas envolvendo aves como a do Uirapuru e do Biguá. O mesmo ocorre em outros povos, como o mito do Thunderbird nos EUA, para os Silfos ou os Duendes na Irlanda para os Gnomos.

Por Frater Ire aka C.C.E.

Saiba mais: https://omundodegaya.wordpress.com/misttico/