10 CARACTERÍSTICAS DE ALGUÉM QUE ESTÁ NO CAMINHO DA ESPIRITUALIDADE

978
Apesar de não existir duas pessoas iguais, muitas pessoas que estão buscando um caminho espiritual acabam adotando hábitos e comportamentos semelhantes. Pela mentalidade espiritual tendemos a fazer as coisas de forma diferente do que a maioria das pessoas e nossas ações e estilo de vida acabam refletindo nosso novo nível de consciência.
Quando se trata de hábitos, ser capaz de relacioná-los com os outros em um nível como este é importante. Isto nos permite ver que não estamos sozinhos em nossa jornada e que não somos tão “estranhos” apesar de tudo. É preciso muita coragem para ser você mesmo em um mundo que está constantemente tentando fazer de você outra pessoa, por isto pode ser reconfortante e animador saber que existem milhões de pessoas lá fora que pensam e se sentem iguais a você. Não tenha medo de permitir que suas ações sejam uma extensão do seu espírito livre.
Aqui estão 10 hábitos comuns de pessoas espiritualmente conscientes:
1) Costumam praticar meditação ou yoga
Um dos aspectos mais importantes de um caminho espiritual é ter uma profunda ligação com o Universo através da consciência do próprio UM. Muitas pessoas usam a meditação ou yoga para reforçar o sentimento de UNIDADE com o Universo e para receber a energia da Fonte. Alguns usam simplesmente para se separarem de seus pensamentos e emoções.
Não é raro vê-los sentados num banco de jardim ou em um ponto de ônibus meditando. Ou talvez até mesmo em seu trabalho. Algumas pessoas podem pensar que é estranho, mas para aqueles que estão buscando uma rota de consciência superior, veem como uma luz diferente.
2) Utilizam alimentos orgânicos, seguem dietas vegetarianas e/ou livre de glúten
Os membros da comunidade espiritual global tem muito conhecimento nutricional. Podem alertar amigos e familiares sobre o alimento errado, falando sobre os OGM, o perigo de pesticidas e a destruição ambiental da agricultura animal que é algo que deve ser motivo de grande preocupação para todos.
Pessoas conscientes espiritualmente podem se encontrar apontando costumes equivocados como um polegar na ferida ao saírem para jantar com seus amigos. O corpo é um vaso para o espírito. É natural estar consciente sobre o que você coloca nele.
3) Normalmente reduzem, reutilizam e reciclam
Outro hábito das pessoas espiritualmente conscientes é que eles geralmente gostam de ser criativos e se preocupam com o bem-estar da Terra/Gaia. Usando menos sacos de plástico, reciclando com mais frequência, usando produtos de limpeza naturais, são alguns dos hábitos de pessoas espiritualmente conscientes fazendo os outros pensarem que é um pouco peculiar.
“Biodegradável” é um termo que eles são bem familiarizados. Alguns até mesmo vão tão longe quanto viver fora da grade. Quero dizer, quem não sonha em ter uma propriedade que é 100% auto-sustentável?
4) Praticam gratidão
Praticar gratidão frequentemente é algo que decorre de uma conexão aberta com o Universo. Ser grato para a vida em uma base diária é algo que nunca sai da mente de quem está centrado espiritualmente. Agradecendo a Gaia, o Sol, a comida que você está prestes a comer e o Universo, são as coisas que você pode se encontrar fazendo que os outros podem achar estranho.
5) Podem possuir pedras preciosas e cristais
Não é incomum que as pessoas espiritualmente conscientes sejam vistas vestindo uma pedra preciosa como o quartzo claro ou ametista. Alguns têm geodos em sua casa e até mesmo levam cristais em seus bolsos e bolsas. Por algum tempo os cristais têm sido amplamente aceitos como uma forma de trabalhar com energia, e muitas pessoas sentem que lhes oferece uma conexão com algo além do físico.
6) Sempre têm uma atitude positiva
Indivíduos espiritualmente conscientes têm seus dias ruins, mas de um modo geral, eles são muito mais propensos a espalhar o amor e não o medo. Eles não ignoram o negativo, apenas optam por não morar lá. Eles tendem a evitar o drama e a luta, tanto quanto possível. É por isso que quando as pessoas começam a despertar, elas percebem que não têm nada em comum com os seus velhos amigos.
7) São menos propensos a ver as notícias e/ou televisão
Muitas pessoas espiritualmente conscientes sentem que assistir à televisão é um desperdício de tempo. O tempo é muito melhor quando passado ao ar livre, com leitura instrutiva, explorando, ou pesquisando. É uma crença geral entre as pessoas que estão acordadas que a mídia é uma máquina colocada em prática para promover o medo e o consumismo. Algumas pessoas podem até não ter TV A cabo ou satélite, alguns nem sequer possuem uma televisão em sua casa.
8) Preferem a cooperação em vez da competição
Enquanto muitas pessoas no mundo moderno acreditam que nós vivemos em um mundo onde “cão come cão”, pessoas espiritualmente mais conscientes tendem a discordar e adotam uma mentalidade “nós estamos nisto juntos”. Quando o ego é menos prioritário, competir uns com os outros realmente não faz nenhum sentido.
É improvável que eles vão mentir e trapacear para chegar à frente. Eles sabem que o carma retorna para você o que você coloca para fora, são pessoas espiritualmente inteligentes que estão ansiosas para cooperar e conviver.
9) Às vezes usam saudações incomuns em letras, textos, e-mails
“Namaste”, “Amor e Luz”, e “bênçãos” são, por vezes, sinais de despedida para as pessoas quando estão terminando uma discussão no e-mail ou carta. Se você vê alguém fechar uma conversa como isto, há uma boa chance de que eles são um pouco mais conscientes do que o indivíduo médio.
10) Geralmente evitam clubes e bares
Desperdiçar todo o fim de semana não é algo que interesse as pessoas que estão em um caminho espiritual. Enquanto outras pessoas passam toda a semana ansiosas para no sábado à noite poder ficar bêbadas e festejar, pessoas espiritualmente conscientes estão olhando para frente, participando de meditação em grupo ou cânticos, ou adquirindo conhecimento espiritual. Pessoalmente, estão ansiosas para ter conversas profundas com bons amigos enquanto tomam chá.
É importante saber que nem todas as pessoas espiritualmente conscientes fazem todas estas coisas. O fato de reconhecer hábitos comuns de um grupo espiritual não é para ver quantos você pode marcar, mas para permitir que as pessoas percebam que elas não estão sozinhas em sua jornada. Para cada peculiaridade que você tem e que outras pessoas te chamam de estranho, milhares de outras pessoas podem se relacionar com esta mesma experiência. Você faz parte de uma comunidade inteira, embora você possa não se sentir sempre como eles.
Alguns destes hábitos podem lhe fazer ser ridicularizado pelas pessoas em geral, mas não se desculpe nem se sinta constrangido por permitir que seu espírito o guie onde ele precisa ir. Estes NÃO são apenas hábitos individuais, mas sim hábitos de uma comunidade espiritualmente consciente. Quanto mais nós pudermos ser fiéis ao que somos e permitir que o nosso estilo de vida seja uma extensão da nossa verdadeira essência, mais o mundo vai começar a seguir o nosso exemplo.
Fonte: Clube da Autocura.
©Steven Bancarz – Origem: thespiritscience – Tradução e Divulgação: A Luz é Invencível

ORAÇÃO MATINAL

Imagem

Obrigado pelo Universo, que é nosso santuário.

Obrigado pelo Povo das Estrelas, que cuida de nossas águas e de tudo que é vivo, nos guia e nos dá um lugar na vida.

Obrigado por nossa sagrada Avó, a Terra, mãe de todos os seres vivos, que são nossos parentes.

Obrigado pelo Vento do Leste que nos traz, para abrir o amanhecer, a Estrela da Manhã, nos permitindo começar um novo dia sem repetir os mesmos erros de ontem. O Vento do Leste traz a renovação para nossos corações, mentes, corpos e espírito, assim como para os espíritos de nossa Avó sagrada, a Terra e todos os nossos parentes, os seus filhos.

Obrigado pelo Povo Veado de Rabo Negro, que mora no Leste e cuida de nós.

Obrigado pelo Vento do Sul, que traz o calor e a generosidade para nossos corações, assim como para nossa Sagrada Avó, a Terra, e todos nossos parentes, seus filhos.

Obrigado pelo Povo Coruja, que mora no Sul e cuida de nós.

Obrigado pelo Vento do Oeste, que traz os espíritos do raio e do trovão para limpar e refrescar com a chuva nossa sagrada Avó, a Terra, todos os nossos parentes, seus filhos, limpando e refrescando nossos corações, mentes, corpos e nosso espírito.

Obrigado pelo Povo Búfalo, que mora no Oeste e cuida de nós.

Obrigado pelo Vento do Norte, que traz o vento forte e perseverante que dá a nossa sagrada Avó, a Terra, e a todos os seus filhos, força e resistência para nossos corações, mentes, corpos e espírito.

Obrigado pelo Povo Cervo, que vive no Norte e cuida de nós.

Obrigado por todos os seres alados, todos os que voam, por seus ensinamentos, sua generosidade, e seu sacrifício.

Obrigado especialmente pela águia, que voa mais alto, vê mais longe, e é fiel ao cônjuge.

Obrigado pelos seres de quatro patas, que tanto nos dão e nos ensinam, pelos sacrifícios e por aquilo que compartilham.

Obrigado especialmente pelo búfalo, pois onde quer que o búfalo esteja, estará o nosso povo.

Obrigado por todos os nossos parentes que rastejam e nadam em nosso planeta, por seus sacrifícios e por tudo que compartilham conosco.

Obrigado pelos seus ensinamentos e por tudo aquilo que nos dão.

Obrigado por tudo que cresce, por toda a vegetação da Terra. Ela tanto nos ensina e nos dá.

Obrigado pelo seu sacrifício e por aquilo que compartilham.

Obrigado especialmente pela árvore e pelas folhas que sussurram, por sua força e independência, por seu ensinamento.

Obrigado pela sagrada Árvore da Vida, a qual devemos nutrir e cuidar, para garantir que ela dê novas flores e frutos e permita, assim, que nosso povo continue vivo.

Obrigado pelo salmão e pelos diversos peixes, que nos ensinam que herdamos o direito de voltar para nossa casa.

Obrigado pela aranha que, nos ensina as artimanhas do destino.

Obrigado por cada cerimônia sagrada trazida para nós pela Mulher Novilha de Búfalo Branco.

Obrigado por nossa tenda do suor, que nos ilumina por meio da compreensão, da purificação e limpeza.

Obrigado pela Dança do Sol, que dá aos homens a oportunidade de absorver e valorizar o milagre da renovação da vida ao partilharem, em menor escala, da experiência do nascimento.

Obrigado pelo Chamado da Cerimônia da Busca da Visão, que nos permite reconhecer o caminho correto a ser seguido na vida, uma estrada que é otimista e livre.

Obrigado pela Cerimônia de Criação de Laços de Parentesco, que nos permite trazer novos membros para nossa nação, família e clã.

Obrigado pela Cerimônia de Conservação do Espírito, que nos dá o privilégio de honrar os nossos ancestrais e de reunir a comunidade para compartilhar e celebrar os feitos daqueles que se foram.

Obrigado pela Cerimônia do Lançar da Bola, que reúne a comunidade em um só coração, uma só mente, um só espírito e corpo.

Obrigado pela Cerimônia da Menarca, que faz com que nossas jovens mulheres almejem pertencer ao universo com dignidade.

Obrigado por nossas cerimônias de cura, onde os enfermos, incapacitados e doentes são cuidados.

Obrigado por nossos parentes que crescem da terra e produzem doces remédios.

Obrigado pelo barro, pelas nuvens, pelo cobertor branco que cobre nossa Avó, a Terra, na época do frio.

Obrigado pela água.

Obrigado por poder celebrar Solstícios e Equinócios.

Obrigado por dançar e cantar junto ao irmão fogo.

Obrigado por celebrar cada lua cheia.

Obrigado por todas as cores sagradas, que juntas representam tudo o que vale a pena na vida, e que separadas, tanto nos ensinam.

Obrigado pelo vento que se move em um círculo, pois ele nos ensina sobre o respeito, o encanto e o assombro.

Obrigado por poder compartilhar a cura nativa com todos que entram em meu espaço sagrado de cura.

Obrigado por tudo que é sagrado, abençoado e bom.

Somos todos ligados por relações de parentesco.

 

Fonte: Xamã Urbano